quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Os velhos

Como diria o Schrödinger's cat, "o tio Alberto".


Os velhos - lamento, mas detesto a palavra idoso - são chatos, teimosos e só fazem o que querem. Bem sei que, um dia, também eu serei velha, chata e teimosa mas não há paciência para os aturar. A minha avó é muito boa pessoa mas nos últimos tempos consegue levar a minha paciência ao limite. Confesso que até poderia achar anedótico se não fosse ser a minha avó... 

ella: Vou oferecer-te uma bengala.
avó: Bengala?
ella: Sim, para não andares a tropeçar e a cair.
avó: Não quero, isso é para os velhos. Eu lá tenho idade para andar de bengala! 

avó: Telefonou o senhor para dizer que a lápide estava pronta e eu fui lá busca-la.
ella: Foste lá busca-la?
avó: Sim.
ella: Como?
avó: Trouxe-a no carrinho das compras.

ella: Achas que havia necessidade de ires à hora de almoço com 38ºC ao cemitério a pé toda vestida de preto e de manga comprida?
avó: Não estava assim tanto calor e eu levei o chapéu na cabeça.

A sério?!
Haja paciência!


Sem comentários:

Enviar um comentário