quarta-feira, 25 de janeiro de 2006

A ciência, a ciência...

A ciência tem tanto de fascinante como de assutador.
Nao pude deixar de partilhar convosco, reparem bem na seguinte notícia...

"Criados porcos fluorescentes que ficam verdes no escuro"

Investigadores taiwaneses anunciaram o nascimento de três porquinhos fluorescentes. Um passo «muito importante» para a investigação sobre células estaminais.
Investigadores taiwaneses anunciaram hoje o nascimento de três porquinhos fluorescentes, que ficam verdes no escuro, numa experiência que consideram um passo "muito importante" na investigação sobre células estaminais.
A experiência consistiu na introdução por "microinjecção" de uma proteína fluorescente extraída de medusas no núcleo de um embrião de porco, explicou o professor Wu Shinn-Chih, responsável pela equipa de investigadores e professor de Ciência Animal na Universidade Nacional de Taiwan.
O cientista acrescentou que este resultado "poderá ser útil para acelerar a investigação clínica com células estaminais humanas porque os porcos fazem parte dos animais mais próximos dos seres humanos".
Wu espera que a tecnologia usada possa servir para seguir o desenvolvimento de tecidos quando são empregues células estaminais para gerar novos órgãos humanos destinados a substituir outros deficientes.
"Não há razão para inquietações", garante o investigador, já que "os porcos verdes não podem ser cruzados com espécies selvagens e dar origem a FrankenPorcos". (Retirado d'Aqui)

Sem comentários:

Enviar um comentário