segunda-feira, 2 de julho de 2007

Miles de Passageros...

Bajofondo - Perfum...

Eu que não sou festivaleiro confesso-me a ceder aos encantos do Med. Situado nas ruelas da cidade de Loulé, pensamos estar numa medina marroquina à medida que se vai passeando num ambiente cheio de cor e cheiros como tantas ruas por esse magrebe fora e que influenciam a nossa cultura mediterrânea com a qual tanto me identfico. Já com os nomes na cabeça e com expectativas muito altas lá fui ouvir umas músicas do mundo por entre fumo de chicha e Thé à la Menthe. Após uns Chambao que apesar de terem dado um belo concerto acabaram por desiludir não apresentando nada do flamenco electrónico de que fui à procura, fui arrebatado pelo poder saído da mente louca de Gustavo Santaolalla, autor de bandas sonoras míticas como as de Amores Perros, 21 gramas, Babel ou a minha favorita Diários de Motocicleta.

Uma nova abordagem à sonoridade das pampas que retomam onde os Gotan Project não conseguiram ir mais além. Espectáculo é o que pode definir o concerto dos Bajofondo Tango Club. Com VJ para ajudar à envolvência, os Bajofondo são o bom gosto aliado a grandes executantes. A guitarra de Santoalalla junta-se a um pianista/scratcher, contrabaixista, percussionista, DJ, violino e o omnipresente boémio acordeon fazendo destes argentinos e urguaios uma banda must see.

14 El Sonido de la...
Vão desde a sua base com um tango digno das vielas de Buenos Aires, ao house, drum n bass, trip-hop, ou ambient à la Café del Mar. Meeesmo Bom! Conseguem, no tempo de um concerto transformar um ambiente intimista numa pista de dança em que velhos e novos se deixam invadir por tamanha entrega e boa vontade em entreter aplaudindo tantas vezes quantas foram aplaudidos.

Diz que afinal não é no Variedades, mas no Garage que vão dar mais um espectáculo inesquecível. Esta quarta, dia 4. Quem puder não falte. Imprescindível!

04 Mi Corazón.wma

Sem comentários:

Enviar um comentário