terça-feira, 11 de abril de 2006

Prazer de amar...

Amar é reconhecer nos outros um ser misterioso, e não um objecto - tu eras uma vibração à tua volta, não a estreita presença de um corpo. Aqueles que não amamos nem odiamos são nítidos como uma pedra. Sentir neles uma pessoa é começar a amar ou a odiá-los. Só amamos ou odiamos quem é vivo para nós.

Vergílio Ferreira, in 'Estrela Polar'

Photo by Henry Cartier-Bresson
Ella

Sem comentários:

Enviar um comentário