domingo, 24 de setembro de 2006

Sleepover


Antes ela aninhava-se em mim, pegava no chico pelas orelhas, pedia-me sempre a mesma história e chucháva no dedo. Hoje, já não se aninha em mim, o chico está velho, já não chucha no dedo e nem me pede uma história. Hoje ficamos acordadas em longas conversas. Revejo a menina que fui na menina que ela é. Nos seus problemas, nas suas dúvidas e na sua alegria. Tento mostrar-lhe o mundo sem tabus, para que possa escolher em consciência os seus princípios e estar preparada. Fico feliz com as minhas mulherzinhas. Por serem mulheres. Por serem fortes. Por serem meninas.
Ella

Sem comentários:

Enviar um comentário