quarta-feira, 13 de agosto de 2014

by me!


Muito se fala da depressão pós-parto... Nunca me senti deprimida mas sim, por vezes, frustrada. Frustrada por não conseguir dar a atenção que devia a isto ou aquilo. Por falta de tempo, por falta de concentração ou simplesmente por falta de disposição. Queremos fazer tudo, ou queremos fazer as coisas como antes. Antes de sermos mães. Ou pais. E vão ficando coisas pelo caminho. Queremos ser mães, pais, irmãos, filhos, netos, amigos, padrinhos. Queremos trabalhar, viajar, ler, correr, escrever, dormir... Queremos tudo. Podemos tudo. Mas em doses comedidas, com muita ginástica, algum sacrifício e força de vontade. Aprendendo a viver a vida noutro ritmo e aos poucos encontrando um novo equilíbrio.


Sem comentários:

Enviar um comentário