sábado, 5 de janeiro de 2013

Fim-de-semana na cidade: Fundação José Saramago

Ao visitarmos pela primeira vez a Fundação José Saramago na antiga e restaurada Casa dos Bicos fica claro que aquela casa é uma prova de amor ao Homem, à sua obra, aos livros e aos leitores em geral. Fica uma sensação de que parte daquilo também é nosso, ou somos nós. Não sei explicar. Enquanto desvendavamos as pessoas e os locais por entre as muitas fotos na parede veio uma voz familiar que nos guiou com carinho. Quando por fim nos deixou perguntei ao Louis. Sabes quem era? Era a Pilar. E ficou depois por momentos parada em frente a um ecrã onde passava uma entrevista do seu José.
A mim Saramago ensinou-me que nunca é tarde. Nunca é tarde demais para fazermos aquilo de que gostamos. Nunca é tarde. Nem para sonhar. Nem para escrever. Nem para amar.



















Todas as fotos são do Louis.

Sem comentários:

Enviar um comentário